Fale Conosco (24) 2102-2750 atendimento@clubedosfuncionarios.com.br Segunda à sexta: 8h às 18:30 Sábados, domingos e feriados: 8h às 15h
Acesse aqui o portal Esqueci minha senha

Esportes • 31/05/2012 00h38

Esporte se despede de Libiano Abbiati

605

Santini (esq.) inaugura a quadra com nome de Libiano (dir.) na PET, em maio de 2011

O esporte do Clube dos Funcionários e de Volta Redonda perdeu um de seus maiores nomes. Foi enterrado nesta terça-feira (29), no Cemitério Portal da Saudade, o corpo do ex-jogador e técnico de basquete Libiano Abbiati, um dos ícones do esporte nas décadas de 50 e 60. Abbiati, que tinha de 83 anos, morreu na tarde de segunda-feira, no Hospital Vita, vítima de câncer.

Libiano era natural da cidade de Lucca, na Itália, e veio para o Brasil com sete anos. O atleta ganhou notoriedade jogando em grandes equipes paulistas. Em 1951, veio para Volta Redonda para trabalhar na CSN, e passou a comandar a seleção da cidade que foi referência no país.

- O Libiano foi o maior nome do basquete de Volta Redonda. Foi destaque como jogador e como técnico, em uma época em que o Brasil era destaque no esporte – lembrou o presidente do Clube, Renato Santini.

Em maio de 2011, o Clube homenageou Libiano, batizando a quadra de basquete da PET com seu nome.

Veja aqui as fotos: http://www.clubedosfuncionarios.com.br/eventos.php?p=6&cod=24

 

Veja mais depoimentos da matéria do jornalista Manoel Alves, publicada no Diário do Vale desta quarta (30). http://diariodovale.uol.com.br/noticias/6,57814,Esporte%20se%20despede%20%20de%20Libiano%20Abbiati.html#mais#ixzz1wPbk8100

Rose Vilela, Secretária de Esportes - O Libiano foi uma referência no esporte e um exemplo de vida para todos nós. Foi ele quem incentivou o Thiago Pereira a ser um desportista, pois foi o seu professor de basquete, que ainda é uma grande paixão do meu filho. Ele é um dos responsáveis diretos por tudo de bom que o Thiago conquistou, pois a natação veio por acaso. O Thiago sempre lembra do professor Libiano e posso garantir que assim que parar de competir voltará a prática do basquete. Estamos perdendo uma pessoa incrível e um grande mestre.

Carlos Roberto Paiva, vereador - Sou amigo da família, do Claudio, fui do Giuliano (falecido) e da Dona Geni. Convivi muito com todos eles e sei o quanto o Libiano representou para a nossa cidade. Não só no esporte, mas como cidadão e pessoa que muito contribuiu para o crescimento da nossa cidade. Ele foi um exemplo de vida para todos nós. Ele foi um ídolo e um espelho para todos nós.

Marcelo Chaves, professor - Foi um exemplo para todos nós atletas e professores, seja como desportista, cidadão, chefe de família. Sem dúvida um exemplo de vida. Eu tenho certeza que cumpriu com grande dignidade a sua missão aqui na terra.

Jose das Graças Lima, presidente da LDVR - O Libiano foi um ícone no basquete e uma pessoa apaixonada pelo esporte e por Volta Redonda. No ano passado tivemos a oportunidade de homenageá-lo. No dia quatro de dezembro resolvemos voltar a promover o basquete e na época ele me pediu que não deixasse o basquete morrer em Volta Redonda. O seu pedido foi aceito e hoje temos um campeonato em andamento, com muitos jovens voltando a praticar a modalidade. Tudo isso graças ao Libiano, que dedicou um amor imenso em tudo que fez.

Wilner, jogador da Seleção Brasileira Master - Foram 43 anos juntos, praticando o basquete e convivendo com essa pessoa maravilhosa. Estou muito emocionado, e me faltam palavras para descrever o Libiano. Ele sempre me ajudou e sempre incentivou muito. A única maneira de homenageá-lo será não deixando este esporte morrer em nossa cidade, que sempre foi um modelo para o estado graças ao trabalho e os ensinamentos de pessoas como Libiano.

Renato Santini, presidente do Clube dos Funcionários - Estamos aqui para nos despedirmos de uma verdadeira lenda no esporte. Foram muitos jovens que ele ajudou como um professor. Não só de basquete, mas também dando aulas de cidadania, honestidade e convivência familiar. Uma pessoa de muita educação e que mostrou a todos nós o amor que sentia não só pelo basquete, mas pela sua família, pelos seus amigos, seus alunos e por volta redonda.

604

Turma do basquete na homenagem a Libiano


Facebook CFCSN

 

instagram CFCSN

PARCEIROS CFCSN

NEWSLETTER CFCSN